Investimento público: quanto mais, melhor?

Por em 19 de setembro de 2017 , atualizado em 8 de abril de 2019

33530843 - sundown workers

As últimas notícias mostram que a economia brasileira começou a se recuperar. Mas alguns observadores mais críticos têm indicado que o nível do investimento público, o mais baixo desde 2018 segundo dados corrigidos pela inflação, seria um problema.

É uma comparação injusta. Aumentar o investimento público é fácil. Basta construir um estádio de futebol gigante, maior que o Maracanã das antigas, no Amapá. Se o estádio não for suficientemente caro, podemos banhar as estruturas metálicas da tribuna de honra em ouro e construir um sistema de ar condicionado ao ar livre!

Para que tal estádio lote, entretanto, dada a pequena população de Macapá, seria uma boa ideia expandir a capacidade do aeroporto local, a fim de que receba voos internacionais.

O efeito de todas essas medidas seria aumentar o investimento público e a taxa de investimento na economia brasileira. Com obras superfaturadas, o aumento do investimento público seria maior ainda (vide Lava Jato, corrupção).

O problema é que construir estádios mastodônticos em Macapá não aumenta a capacidade produtiva da economia brasileira.

O mesmo pode ser dito do investimento de estatais como a Petrobras: gastar dezenas de bilhões de reais para construir o sucatão, digo, a refinaria Abreu e Lima em Pernambuco não vai nos fazer mais ricos.

A tribuna de honra folhada a ouro é uma piada. Rir dela não custa nada.

Já a crença infantil de que o aumento do investimento puxado pelo investimento público vai melhorar nosso bem-estar e nos tornar mais ricos é uma piada bem mais cara.

Espero não ter que ouvi-la novamente.

Para que um aumento do investimento público melhore nosso bem-estar, precisamos de avaliação de projetos para escolher projetos de alto retorno e controles para evitar corrupção.

 

Para ficar por dentro do que rola no Por Quê?, clique aqui e assine a nossa Newsletter.

Siga a gente no Facebook e no Twitter!
Inscreva-se no nosso canal no YouTube!
E curta as nossas fotos no Instagram 🙂

Mais Postagens

VER TUDO

Receba nossas atualizações em primeira mão

Se você gosta do nosso conteúdo, inscreva-se e não perca nenhuma novidade.